RPet Dia Internacional da Onça-Pintada: maior felino das Américas tem mordida fatal e é exímio nadador

Dia Internacional da Onça-Pintada: maior felino das Américas tem mordida fatal e é exímio nadador

Além disso, o animal é considerado espécie-chave dos ecossistemas, ajudando a regular as populações de presas 

  • RPet | Do R7

Onças-pintadas são os maiores carnívoros da América do Sul

Onças-pintadas são os maiores carnívoros da América do Sul

Nickbar/Pixabay

O maior felino das Américas é celebrado nesta quarta-feira (29), Dia Internacional da Onça-Pintada (Panthera onca). A data foi criada pelo Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA) com o objetivo de sensibilizar as pessoas, em todo o mundo, a respeito da importância de proteger esse animal, declarado como Símbolo Brasileiro da Conservação da Biodiversidade, em 2018.

Além disso, é o maior carnívoro da América do Sul. "As onças costumam consumir carne durante alguns dias, e não de uma única vez, podendo chegar a 40 kg em uma semana", conta Vitor Filiputti, biólogo, professor e administrador do canal Pido Biologia, ao RPet.

Mas as características mais famosas, claro, são o corpo robusto e a coloração amarelo-dourada e pintas pretas "As manchas nas onças-pintadas, rosetas com um ponto no meio, são sua impressão digital, e cada uma possui o próprio padrão", explica Filiputti.

Segundo ele, há onças-pintadas que podem ter uma aparência mais escura. "Mas não significa que são de outra espécie. Apenas têm mais melanina em sua pelagem", afirma.

Mordida fatal e excelentes nadadoras

As onças-pintadas conseguem caçar nas águas e no escuro

As onças-pintadas conseguem caçar nas águas e no escuro

Pexels

Exímia caçadora, a onça-pintada possui uma das mordidas mais poderosas entre todos os felinos, capaz de perfurar o crânio de suas presas com facilidade. "Dificilmente se consegue escapar [dela]", diz Lucas Jaques de Oliveira, biólogo e especialista em ciências da natureza.

E não é só na terra que esse animal mostra todas as suas habilidades. "É uma nadadora habilidosa e, muitas vezes, caça na água, alimentando-se de peixes e jacarés. A briga entre onças e jacarés é impressionante, e a onça, por muitas vezes, sai vencedora, por conta da mordida fatal no pescoço", conta.

A noite também não é problema para os felinos pintados. "São predadores noturnos, sendo mais ativos durante a noite. Sua visão aguçada ajuda na caça em ambientes de pouca luz. São capazes de subir em árvores para pegar suas presas", detalha Oliveira.

Importância para o ecossistema

A gestação das onças-pintadas dura muito menos que a dos humanos. "São, aproximadamente, 93 a 105 dias (cerca de três meses e meio). E, geralmente, nascem de um a quatro filhotes", descreve Oliveira.

Os bebês, inclusive, vêm ao mundo com uma particularidade. "Os filhotes nascem com os olhos fechados e só abrem depois de 7 a 12 dias", diz Filiputti.

Clique aqui e receba as notícias do R7 no seu WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo WhatsApp
Compartilhe esta notícia pelo Telegram
Assine a newsletter R7 em Ponto


O especialista ainda destaca a importância das onças-pintadas para a natureza e o mundo animal. "São consideradas espécies-chave dos ecossistemas, ajudando a regular as populações de presas. São topos de cadeia que contribuem para o equilíbrio dos ecossistemas onde vivem", enfatiza.

VEJA TAMBÉM: Dia do Rio: conheça 7 animais diferentões que vivem na água doce

Últimas